quinta-feira, 19 de março de 2009

CONCURSO PARA PROVEDOR pré-requisito: xuxalista

Nascimento Rodrigues refere na visão o “apetite” do PS pelo cargo, diz ainda_“O PS já ocupa todos os altos cargos públicos, faz lembrar o Zeca Afonso: ‘eles comem tudo". O mandato de terminou há oito meses mas o PS veta todos os nomes propostos pelo PSD e por isso não há consenso .
Lembra Nascimento Rodrigues_ “deveria caber ao segundo partido [o PSD] a escolha” para se conseguir um “quadro mais vasto de equilíbrio democrático de poderes”. Os nomes propostos pelo PS têm sido Freitas do Amaral, António Arnault e Rui Alarcão, tudo da casta xuxalista sem condições de isenção. Mas estes foram rejeitados pelo PSD, que apresentou Laborinho Lúcio, este pelo menos fora das lides. O Provedor de Justiça sente a visível degradação da qualidade da vida política em Portugal .
Para o polvo xuxalista a provedoria era a cereja em cima do bolo. Um orgão de controle democrático ao serviço dos cidadãos transformado num anexo do largo do rato.
Isto vai a estar bonito vai! como diz Mário Crespo, qualquer dia é só fingir que votamos...
Como o chefe anda com a imagem queimada, mandou a canzoada rosnar ao provedor e lá veio o virgulino caniço (aquele que é advogado - das imorais empresas de trabalho temporário que exploram e enganam trabalhadores na Holanda, Espanha e Alemanha - e depois no parlamento legisla a favor delas: tudo legal) fazer o frete, armando-se em malcriado com um senhor de suíças brancas, com idade para ser mais que pai dele: bem que podia enfiar duas biscas no anafado do fedelho. Esta criançada xuxalista perdeu a noção. Eu acho que o Cavaco devia considerar o Rato e São Bento uma TEIP-TERRITÓRIO EDUCATIVO DE INTERVENÇÃO PRIORITÁRIA


FRESQUINHAS:
-50% NA PRESTAÇÃO: propaganda e meias verdades